As Palavras Fugiram: Resenha: As Brumas de Avalon - Marion Zimmer Bradley
As Brumas de Avalon - A Senhora da Magia    
 Sinopse: Neste romance, a lenda do rei Artur é contada pela primeira vez através das vidas, das visões e da percepção das mulheres que nela tiveram um papel central. Pela primeira vez, o mundo arturiano de Avalon e Camelot, com todas as suas paixões e aventuras - o mundo que, através dos séculos, cada geração recriou em incontáveis obras de ficção, poesia, drama - é revelado, como se poderia esperar, pelas suas heroínas - pela rainha Guinevere, mulher de Artur; por Igraine, mãe de Artur; por Viviane, a impressionante Senhora do Lago, Grande Sacerdotisa de Avalon; e principalmente pela irmã de Artur, Morgana, também conhecida como Morgana das Fadas, como a Fada Morgana - como feiticeira, como bruxa - e que nesta épica versão da lenda desempenha um papel crucial, tanto na coroação como na destruição de Artur. Trata-se, acima de tudo, da história de um profundo conflito entre o cristianismo e a velha religião de Avalon. 


Resenha:
 Bem, a sinopse é da saga inteira, e não apenas do primeiro volume. Básicamente o primeiro volume é a história antes do nascimento de Arthur até a sua coroação.
No livro a narração e dividida entre Igraine, mãe de Morgana e Arthur, Viviane, tia de ambos e Senhora do Lago, e claro, a própria Morgana.
Eu peguei na biblioteca para ler a edição de 87, comprada em cruzeiros, tadinha, tá tão maltratada...Mas enfim, eu Adorei o livro, gostei do fato de estar em uma liguagem mais antiga (não sei se nas edições mais novas usam outras palavras). 
 Eu achei muito legal ver o choque do cristianismo com a  região da antiga Avalon, e o livro leva você sempre a ver que a religião de Avalon é a 'certa' pois os padres querem irradica-la matando todos os seus seguidores e isso faz você pensar, muito, sobre como eram as coisas naquela época. Outra coisa que faz você ficar com um pouco de raiva neste livro é a maneira como as mulheres são tratadas, podemos ver isso bem na primeira parte do livro, a parte narrada por Igraine.

O que os sacerdotes não sabem, com o seu Deus Uno e sua Verdade Única, é que não existe história totalmente verdadeira. A verdade tem muitas faces e assemelha-se à velha estrada que conduz a Avalon... 

A história tem personagens completas, cada uma com sua personalidade e desejos, adorei isso no livro, elas não são clichês no meio de uma história tipicamente masculina, não, elas querem nos dar a sua visão de mulheres, com seus pequenos problemas também.
Resumindo: Eu me apaixonei pela história, não tem como não se apaixonar. Talvez seja pelo livro começar com um tipico romance que acaba bem e só depois começar a tragédia, não sei, só sei que eu gostei muito! Mas devo admitir que o segundo volume da série está me irritando um pouco :S

O que acham? Já leram? Vão ler? Deixem um comentário!

6 Comentários:

Caroline Juliane Bonifácio disse...

Sou curiosa para começar esta série hehe' Gostei bastante da resenha, me deixou curiosa :o
Beijos
Carol {SobreUmLivro}
PS: O blog é muito lindo *-*

Maeva disse...

Eu amo essa série! É uma das séries que vou ter, sei lá, 80 anos, e ainda vou reler com gosto ;)

--
Maeva
Murphy's Library

Anónimo disse...

Ah, parece interessante! Darei uma olhada quando puder! Lindo Blog, meus parabéns!

Bih Lima disse...

Adorei!
Eu quero!!!
Beijos

Rachel Lima disse...

Eu comprei essa belezinha numa promoção lá no submarino, ele saiu por 39,90, os QUATRO. Nossa, que emoção, hahaha. estou doida para ler, todo mundo fala que é ótimo! Beijos,querida *-*

Rachel Lima
http://etcoetra.blog.br

Unknown disse...

Amei a história do primeiro livro. Me pareceu bem interessante.

http://minhaficminhavida.blogspot.com/

Menu

Siga o blog

Follow As Palavras Fugiram

Ultimas Resenhas



Skoob

Receba a newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Blogs Parceiros

my dear library


Mais parceiros >>

Editoras Parceiras

Eu participo...

Classificação

Não perca seu tempo

É mais ou menos

Bom

Muito bom!!

Leitura obrigatória ;D

Seguidores