As Palavras Fugiram: Saturday's Movie #09 - Harry Potter e as Reliquías da Morte: A despedida.
Ultímo filme da saga, Harry Potter(Daniel Radcliffe), Ron Weasley (Rupert Grint), e Hermione Granger (Emma Watson) continuam sua missão de acabar com o mal tentando descobrir as outras 3 Horcruxes faltantes que são as fontes da imortalidade de Lorde Valdemort (Ralph Fiennes). Ao descobrir do plano dos bruxos de Hogwarts, Valdemort começa a maior batalha de todas e a vida deles nunca mais será a mesma.

Hoje o Satuday's vai ser um pouco diferente, além de falar sobre o filme, vou falar sobre o que a saga significou (e sempre vai significar!) para mim.

Sexta-feira, 18:50 do dia 15/07 eu estava entrando em uma sala de cinema como qualquer outra, mas o filme que eu assisti não era apenas mais um.

Meu amor por Harry Potter começou á 11 anos atrás, quando eu tinha apenas 6 anos. Tudo começou porque minha mãe estava lendo (ela adora ler) e ela me disse que ia estrear o filme um tempo depois, então eu ia puder saber da história antes de todos. Minha curiosidade somada ao fato de a capa ser bonitinha igual a eu lendo.

Demorei um pouco para ler aquele livro, mais ou menos uns três meses, mas foi com ele que tudo começou, meu vicio por Harry Potter, meu vicio pela leitura, e posso afirmar que muito do que eu sou hoje, muito do que aprendi sobre a amizade e coragem se espelham naquela série e sete livrinhos!

Logo devorei até ao quarto livro (O Cálice de Fogo) que foi lançado mais ou menos na época que saiu o primeiro filme (se eu não estou enganada) e depois tive que esperar pacientemente sair A Ordem da Fênix, coisa que não foi nada fácil, especialmente porque não tinha ninguém com quem falar sobre a série, apenas minha mãe, e que graça têm você ter todas suas teorias negadas? Eu tinha 10 anos na época, e achava perfeitamente normal a teoria de Dumbledore ser secretamente avô de Harry.

Harry Potter e o Enigma do Príncipe trouxe mais crescimento para mim, não aguentava esperar a tradução então comprei e li em inglês mesmo. Tinha 12 anos, apanhei para entender mas com minha noção de inglês (que não era ruim) e um dicionário do lado li inteirinho. Não vou dizer que entendi tudo, mas três meses depois, quando saiu a tradução todas minha dúvidas foram apagadas.
Repeti o mesmo com As Relíquias da Morte, não ia esperar uma tradução, comprei em inglês mesmo, mas dessa vez, já com 14 anos, entendi tudo.

Admito que ontem no filme, me lembrei muito daquela versão pequenina de mim que esperou pelo filme á 10 anos atrás, me lembrei do cinema que eu fui, dos cartazes, e do tempo que fiquei esperando sentada num banco do lado de um Hagrid de papelão. Me lembrei das borboletas no estômago quando o filme começou, e com ele a sua famosa musica. Me lembrei de como achei tudo simplesmente mágico.

Ontem também foi mágico.

Ontem vi meus amigos, que conheço desde os seis anos (conheço-os melhor que eu conheço eu mesma!) chegarem ao fim de sua jornada, vi muitos deles morrerem, mas muitos deles sendo felizes também. Me peguei chorando e sorrindo.

É difícil dizer adeus a tudo isso, então eu simplesmente não vou dizer. Prefiro continuar no meu mundinho, agora vou esperar pelo Pottermore e esperar pelas coisas que a J.K vai revelar por lá, vou esperar pela edição especial de todos os DVD's, vou esperar meus filhos e meus netos crescerem junto com Harry, tal como eu cresci, para puder falar sobre isso com eles.

Estou falando tudo isso porque sei que vários se sentem como eu, meio perdida. Eu cresci com Harry, quando o 'conheci' quase não sabia ler, quando o 'deixei' estava lendo em inglês sem nenhuma ajuda. Sei que sou como sou hoje pelas lições que aprendi no livro, tantas e tantas mensagens de amizade, lealdade, amor, coragem e determinação.

A realidade é que o filme acabou me desiludindo um pouco, especialmente a única parte que eu não queria que mudassem foi alterada. Vou começar a falar sobre o filme agora, então quem não leu o livro, ou quem não quer saber mesmo o que mudaram ou não simplesmente pule para o final dos spoilers ;D

Spoilers


O filme começou sem a música que todos conhecemos (Hedwig's Theme), mas isso é um detalhe totalmente desnecessário.
A realidade é que eles cortaram muita coisa importante, eu sei, eles tinham pouco tempo, mas nem falaram que a taça pertencia a Hufflepuff!
Sinceramente, eu não amei o filme, acho que estava esperando demais e acabei me desiludindo, eu queria uma coisa épica, achei que ia chorar rios, mas acabei chorando só uma pequena lagoa.

Snape é meu personagem favorito, nem sempre foi (a opinião que você tinha formada desde os 6 anos de idade ter se apresentado errada foi tipo um tapa na cara, mas também uma criança não sabe ler nas entrelinhas) a única coisa que eu não queria é que mexessem no passado do Snape, tá, podem tirar algumas das partes da Petúnia, mas não exagerem!!
Infelizmente foi bem diferente do que eu estava esperando. Tudo foi diferente, algumas coisas chegaram até a ser bizarras!

Mas enfim, acho que eu estou sendo muito critica.
Em geral, o filme foi bom, vai arrancar lágrimas aos fãs, sim, eles sabem o que algumas coisas realmente significam. Aos que não leram vão ficar simplesmente com um final bom o bastante. Pelo menos na minha opinião.

Fim de Spoilers


Tudo o que eu tenho a dizer agora é: Assistam. Se você não leu: Leia.
Vou agora escutar Wizard Rock (ou Wrock, musicas com letras sobre Harry Potter), se vocês quiserem escutar, procurem no youtube - eu adoro especialmente The Ministry of Magic, eles têm umas musicas lindas, além de letras mais lindas ainda. Se alguém quiser algumas musicas é só mandar email xD

Termino este post gigante com apenas um agradecimento: Obrigada J.K. por tudo.

3 Comentários:

Menu

Siga o blog

Follow As Palavras Fugiram

Ultimas Resenhas



Skoob

Search

A carregar...

Receba a newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Blogs Parceiros

my dear library


Mais parceiros >>

Editoras Parceiras

Eu participo...

Classificação

Não perca seu tempo

É mais ou menos

Bom

Muito bom!!

Leitura obrigatória ;D

Seguidores