As Palavras Fugiram: Lançamento: Marcas Indeléveis



Autor: Ahtange Ferreira
Editora: Modo
Ano: 2012
Páginas: 277




Ame e o amor lhe levará por caminhos, veredas, canções e emoções errantes, inimagináveis, incompreensíveis aos olhos dos loucos que não conhecem a lucidez da loucura de amar...” Marcas Indeléveis é uma história baseada em fatos reais - amor, ódio, sexo, traição, violência doméstica, culpa e redenção. Esther vive uma trajetória de perdas e frustrações e parece não aprender com os próprios erros... Após várias tentativas frustradas ela desiste do amor até encontrá-lo de maneira inesperada e nunca antes sentida.





Prefácio:

Marcas Indeléveis é uma história emocionante; Não, não é um conto de fadas, não é uma história feliz, com passarinhos cantando e uma jovem moça sorridente encantada com um príncipe cavalheiro, belo, charmoso e que a fará feliz pelo resto de sua vida. Mas ainda sim é uma história de amor. Uma história muito complicada, porque nossa querida protagonista, Esther, é uma mulher que encarou o amor várias vezes, e nem uma delas foi fácil, na verdade o amor quase destruiu toda a alma, o coração e a mente desta mulher que se entregou de braços abertos a ele e não foi tão bem recebida assim. Esther teve uma vida difícil, sem muitos luxos e sempre com um grande problema, o amor e sua beleza que chega a ser até mesmo uma maldição cuja atrai apenas dificuldades para ela, e apesar de dificuldades duras, lhe trouxeram sabedoria. Esse é o tipo de história que nos mostra que a vida não é fácil. E que nem todos os romances são belos, correspondidos e duram eternamente, nos ensina que a falta de amor, não importa onde seja sempre faz uma falta imensa na vida de qualquer ser humano. E que é necessário recebê-lo, não somente de homem para mulher, mas de pai para filho, de irmão para irmão, de amigos para amigos, simplesmente dar e receber amor de uma forma simples e sincera. Mostra-nos que um simples abraço que foi negado pode deixar uma marca profunda e distorcida no coração, uma marca indelével. Esse é um livro com uma história real, que pode, e na verdade foi repetida com milhares de mulheres que já enfrentaram essa dor terrível. Não há nada de mágico ou sobrenatural nela, é apenas a verdade. A verdade dura e fria de versões diferentes do amor. ''... O amor que não é, senão de perdição, de afagos e desvarios. Ame e o amor te levará por caminhos, veredas, canções e emoções errantes inimagináveis. “Incompreensíveis aos olhos dos loucos que não conhecem a lucidez da loucura de amar...”



Biografia:
Maranhense, nascida em Setembro de 1974. Muito cedo tive que aprender a lidar com perdas e decepções. Sempre fui apaixonada pelos livros e seu mundo mágico dos sonhos, contos e romances: meus preferidos.
Camilo Castelo Branco muito me influenciou em seu "Amor de Perdição".
Amo ainda a filosofia e a psicologia, embora seja leiga em tais assuntos, minha alma regozija-se quando me deparo com tais tratados.
O pensamento e a alma humana são tesouros inesgotáveis e maravilhosos. 
Minha formação: Bacharel em Teologia, Especialista em Educação Especial e Psicopedagoga Clínica e Institucional.

8 Comentários:

Menu

Siga o blog

Follow As Palavras Fugiram

Ultimas Resenhas



Skoob

Receba a newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Blogs Parceiros

my dear library


Mais parceiros >>

Editoras Parceiras

Eu participo...

Classificação

Não perca seu tempo

É mais ou menos

Bom

Muito bom!!

Leitura obrigatória ;D

Seguidores